logo
Sejam bem vindos ao Jamie Dornan Brasil, sua principal fonte de notícias sobre o ator Jamie Dornan – mais conhecido pel oseu papel de Grey, em Cinquenta Tons de Cinza – no país. Aqui você encontrara informações sobre seus últimos projetos, entrevistas traduzidos, uma galeria refleta de fotos e muito mais. Não somos o Jamie e não possuímos qualquer contato com o mesmo. Não temos contato com seu agente, amigos ou familiares. Site de fãs para fãs, sem fins lucrativos. Todo o conteúdo encontrato neste site pertence ao JDBR até que seja mostrado ao contrário. Aproveite todo o conteudo disponível e volte sempre!

Como alguns de vocês sabem, ontem (01/12) aconteceu a primeira exibição de Wild Mountain Thyme, filme que Jamie Dornan interpreta o irlandês Anthony Reilly. Eu (Thiciane) tive a incrível experiência de assistir através do KCET Cinemas Series e a primeira coisa que tenho a dizer é: esse filme é uma preciosidade.

Sem dúvidas é um filme que mexe com suas emoções. Me peguei sorrindo, rindo e chorando em vários momentos. Eu senti que o trabalho de Shanley, diretor do filme, foi uma carta de amor, e não digo só romanticamente falando, mas uma carta de amor à Irlanda.

Anthony é um homem simples, único e ao mesmo tempo inseguro. Ele meio que já desistiu de si mesmo e se reencontra através da maravilhosa e incansável Rosemary, interpretada por Emily Blunt, que além de engraçada, é uma mulher forte e segura de si. Acho que Jamie trouxe muito de si para o personagem, principalmente no jeitinho suave do Anthony com seu pai e seu amor incondicional pela mãe. Acredito que parte da sua vida no campo também ajudou muito no desenvolvimento do personagem, principalmente na hora de gravar/lidar com animais.

Pausa para dizer que me diverti MUITO com as quedas do Anthony…

Eu, particularmente, sou apaixonada pela Irlanda e assistir a devoção dos personagens pela Ilha Esmeralda me deixou com o coração quentinho. Fora que a fotografia estava linda. Os campos verdes, a casa da Rose com a porta coloridinha… Os detalhes que fizeram toda a diferença.

E por falar em toda a diferença: Amelia Warner entregou uma trilha sonora que me arrepiou desde o primeiro minuto, tudo se encaixava perfeitamente. Quase em todas as cenas eu estava arrepiada! Não tenho nem como dizer a vocês o quão LINDA é a canção que ela escreveu com o Shanley, simplesmente de tirar o fôlego, ainda mais na voz de Sinéad O’Connor.

Não quero falar muito e acabar soltando algo que possa estragar qualquer pedacinho da experiência linda que é esse filme, portanto eu vou finalizar essa review com um último comentário: Jamie Dornan cantando Wild Mountain Thyme é TUDO! A voz tão doce, tão gostosinha de ouvir. Me peguei com saudades de Sons of Jim e confesso que quando terminei de assistir, corri para o YouTube pra ouvir When I Go.

É isso, eu amei e assisti duas vezes (e se pudesse assistia mais uma). Espero que vocês possam assistir essa belezura logo e mal posso esperar para saber a opinião de vocês,

Thiciane. x

Notícia postado por Thici Castelo
error: Content is protected !!